Top Ad 728x90

18 de jul de 2013

Adolescente confessa ter matado filha de 1 ano e jogado da ponte

Após cair em diversas contradições enquanto era ouvida por policiais da Delegacia de Homicídios (DH)

Publicidade

Adolescente confessa ter matado filha de 1 ano e jogado da ponte
Fotos: Reprodução/ S1 Notícias
Após cair em diversas contradições enquanto era ouvida por policiais da Delegacia de Homicídios (DH) de Maceió, a adolescente C. C. G. L. confessou ter assassinado a própria filha, Karina Danielly Gouveia, de 1 ano e 6 meses.

Adolescente confessa ter matado filha de 1 ano e jogado da ponteConforme depoimento da acusada, o crime foi praticado na noite do domingo (14), e começou dentro da própria casa onde mãe e filha moravam, na cidade de Rio Largo, Região Metropolitana de Maceió (RMM).


A pequena vítima foi “atacada”, ainda segundo a mãe, inicialmente com pancadas na região da cabeça, aproveitando o momento que a filha dormia. 

Desacordada a criança foi levada até a lateral da Ponte Wilton Ramalho, conhecida como Ponte da Cachoeira, no bairro Gustavo Paiva, no Centro da cidade de Rio Largo em Alagoas, onde a mãe desferiu várias pedradas na cabeça da menor, cujo corpo foi encontrado  por populares na manhã da segunda-feira (15).
Karina Danielly Gouveia
Na sequência a mãe montou a versão de que a filha havia sido sequestrada por dois homens, que estariam de máscaras em um carro de cor escura, que exigiram dela a criança, no momento que saía da casa de uma ex-cunhada e tentava pegar um transporte para voltar a residência onde reside.

Perguntada sobre a motivação do crime, a adolescente disse que desde que Karina nasceu, a menina havia se tornado um ”fardo em sua vida”. Ela confirmou que é mãe solteira e o pai tem 25 anos e nunca aceitou ter assumir a filha.
Ponte Wilton Ramalho, conhecida como Ponte da Cachoeira, no bairro Gustavo Paiva, no Centro da cidade de Rio Largo em Alagoas

Atenção cenas fortes
Clique no numero abaixo para visualizar a imagem

Do S1 Notícias
Ellen Melo/ Urgência 19

Top Ad 728x90