Top Ad 728x90

20 de abr de 2017

Rã indiana expele muco que pode combater vírus da gripe, segundo estudo

Em roedores, substância foi capaz de proteger contra dose letal de vírus influenza. Mais pesquisas são necessárias para determinar estratégia funcionaria em humanos.

Publicidade

Em roedores, substância foi capaz de proteger contra dose letal de vírus influenza. Mais pesquisas são necessárias para determinar estratégia funcionaria em humanos.


 Mais pesquisas são necessárias para determinar se o urumin pode se tornar um tratamento – Reprodução
Mais pesquisas são necessárias para determinar se o urumin pode se tornar um tratamento – Reprodução
Uma rã no sul da Índia expele um muco da sua pele que pode um dia ajudar as pessoas a combater certos tipos de vírus da gripe, disseram pesquisadores na terça-feira (18).

O nome científico dessa rã, colorida e do tamanho de uma bola de tênis, é Hydrophylax bahuvistara, segundo o artigo publicado na revista científica "Immunity".

Os pesquisadores deram pequenos choques elétricos nas rãs para estimular a secreção dos seus peptídeos de defesa, que parecem combater a cepa H1 do vírus da gripe, e coletaram a substância.

Urumin

O peptídeo antiviral foi batizado de "urumin", em referência a uma espada parecida com um chicote usada no sul da Índia há séculos, disse o estudo.
O urumin não é tóxico para mamíferos, mas "parece perturbar a integridade do vírus da gripe, como visto através de microscopia eletrônica", apontou.

Quando os pesquisadores espremeram um pouco de urumin nos narizes de ratos de laboratório, o peptídeo os protegeu contra o que teria sido uma dose letal do vírus da gripe H1, o tipo responsável pela pandemia de gripe suína de 2009.

Mais pesquisas são necessárias para determinar se o urumin pode se tornar um tratamento preventivo contra a gripe em humanos, e para analisar se outros peptídeos derivados de rãs podem proteger contra vírus como o da dengue e o da zika.

0 comentários:

Postar um comentário

Top Ad 728x90