Pastor é preso por abusar de 7 meninos em Petrolina


Publicidade

Abusos eram cometidos dentro da igreja. As vítimas eram meninos com entre 12 e 17 anos. Maconha foi encontrada dentro do escritório e dentro do quarto do pastor.

O pastor Carlos André da Silva, foi preso dentro da Igreja - Foto: Reprodução
O pastor Carlos André da Silva, foi preso dentro da Igreja
Foto: Reprodução
O pastor Carlos André da Silva, de 38 anos, da Igreja Pentecostal Monte Moriá, foi preso nesta terça-feira (30 de maio de 2017), em Petrolina, no Sertão de Pernambuco, suspeito de abusar de ao menos 7 meninos.

De acordo com a Polícia Civil, Carlos, cometia os crimes dentro do próprio templo religioso há cerca de três anos. Todas as vítimas frequentavam a igreja e dizem ter sido abusadas mais de uma vez.

"As crianças participavam dos cultos e eram abusadas no escritório do pastor, dentro da igreja. Ele dizia que queria examinar os meninos para saber se eles tinham alguma doença sexual e, mesmo quando a vítima se negava, ele conseguia tirar a roupa dela", informou o delegado Marceone Ferreira, explicando que as vítimas têm entre 12 e 17 anos.

O grupo de meninos contou os abusos para familiares que denunciaram o pastor ao Ministério Público (MPPE) da cidade. Em seguida, a Polícia Civil abriu inquérito para investigar o caso e realizou a prisão do homem nesta terça dentro da igreja.

Contra o mesmo foi expedido mandado de prisão e busca e apreensão domiciliar. Ele foi preso dentro da Igreja. Foram apreendidos computadores e uma pequena quantidade de maconha dentro do escritório e dentro do quarto do pastor.

De acordo com o delegado, o suspeito nega as acusações. Ele está preso na Penitenciária Dr. Edvaldo Gomes, em Petrolina.

Recomendamos para você »

Policial 785477310802590892
Reaja! Comente!

Postar um comentário

emo-but-icon

Curta nossa Página

Publicidade

Recicla Net Pousada Vitor & Vitoria WhatsApp do S1 Notícias

Canal S1 Gamer

Mais Lidas

Receba noticias em seu E-mail

Publicidade

item