Top Ad 728x90

9 de jun de 2017

Papa condena ataques “graves e sem sentido” no Irão

O Papa Francisco manifestou um profundo lamento pelos atentados ocorridos no Irão.

Publicidade

O Papa Francisco manifestou um profundo lamento pelos atentados ocorridos no Irão.


Pelo menos 17 pessoas morreram e mais de 50 ficaram feridas – Reprodução
Pelo menos 17 pessoas morreram e mais de 50 ficaram feridas – Reprodução
O Papa Francisco manifestou um profundo lamento pelos atentados ocorridos na quarta-feira no Irão. O Papa enviou também as suas sentidas condolências a todos os afetados destes ataques.

O papa Francisco condenou os atentados “graves e sem sentido” de quarta-feira contra o Parlamento e o mausoléu do ‘ayatollah’ Khomeini em Teerão, reivindicados pelo grupo ‘jihadista’ Estado Islâmico (EI), anunciou esta sexta-feira a Santa Sé.

O papa Francisco manifestou a sua condenação num telegrama assinado, como é habitual, pelo secretário de Estado do Vaticano, o cardeal Pietro Parolin. Na mensagem, o papa “envia as suas sentidas condolências a todos os afetados no bárbaro ataque em Teerão e lamenta este ato de violência grave e sem sentido”.

Pelo menos 17 pessoas morreram e mais de 50 ficaram feridas na quarta-feira em dois ataques coordenados contra o Parlamento e o mausoléu do ‘ayatollah’ Khomeini em Teerão, tendo sido reivindicados pelo grupo extremista Estado Islâmico.

0 comentários:

Postar um comentário

Top Ad 728x90