PUBLICIDADE

Fonte: Gospel Prime

Bruce McComb, 60, recebeu o primeiro transplante de rim de sua esposa Mimi, em 2002. Depois de alguns anos, começou a rejeição e ele passou a procurar por outro doador. Como não achava nenhum, já estava se desesperando com a gravidade da situação.

Durante uma conversa com o reverendo Jonathan Goertz, 31, da igreja que frequenta, McComb recebeu conselhos, orações e uma oferta. Goertz iria doar um de seus rins. O anúncio surpreendeu a todos os membros da igreja.
O caso se tornou famoso, mas para o religioso é algo natural. “Sempre me sinto impactado quando encontro alguém que tenha qualquer tipo de necessidade, seja ela física, espiritual ou emocional. Eu me pergunto: serei capaz de responder a essa necessidade?”

Ambos moram na pequena cidade de Tappahannock, Virgínia, e a maior surpresa foi que os exames indicaram a compatibilidade, algo que nem sempre ocorre fora da família. Atualmente existem cerca de 100 mil pessoas esperando por uma doação de rim nos Estados Unidos.

“Deus ajeitou tudo para que Jonathan não fosse apenas o meu pastor, mas alguém que tem uma afinidade sanguínea comigo, logo não desenvolverei anticorpos contrários”, comemorou McComb. ”Ele é o que se chama de combinação perfeita… continuo achando incrível que eu pudesse encontrar um doador compatível na pequena cidade de Tappahannock. Pela graça de Deus, ele está me ajudado fisicamente, além do apoio espiritual”.

A cirurgia foi realizada no Centro Médico da Universidade Johns Hopkins, em junho. O período crítico da operação já passou e os dois voltaram a suas vidas normalmente. O reverendo conta: “Eu fiquei pedindo a Deus para que, depois da cirurgia, eu não tivesse dificuldades de continuar levando adiante a minha vida e ministério tendo apenas um rim. ”

Mimi McComb conta que na noite anterior ao procedimento cirúrgico, o religioso os procurou no hospital, ungiu o paciente com óleos e junto com toda a família, oraram e impuseram as mãos pedindo a Deus pela cura de Bruce. Para Goertz sua decisão foi baseada no conceito cristão de sacrifício, exemplificado pelo bom pastor Jesus, que deu sua vida pelas ovelhas. “Todos os cristãos são espiritualmente sacerdotes, profetas e reis, o que significa que fazer sacrifícios deveria ser um aspecto normal na vida de cada cristão.”

Este não é o único caso conhecido em que um sacerdote doa um rim a um membro de sua igreja. Em 2011 David Baca, pastor da Igreja do Nazareno de Westminster, no Colorado, doou seu rim a Chuck Nelson, com quem fazia estudos bíblicos regulares por 14 anos. Em fevereiro de 2012, o pastor Derek Staples, da Igreja Batista de Jacksonville, Alabama, fez a doação para Jennifer Borders, um membro de sua igreja que estava muito doente. Com informações Huffington Post.
PUBLICIDADE

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.