Pernambuco registrou um novo recorde de pessoas curadas do novo coronavírus. Na última terça-feira (2), a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou a recuperação de mais 2.158 pacientes. Antes, o recorde tinha sido no dia 24 de maio, quando foram registradas 2.046 curas. O estado acumula, ao todo, 18.590 recuperações, sendo 4.967 de pacientes de casos graves, isto é, com Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag), e 13.623 de casos leves. O número de recuperados representa 52% do total de casos no estado.

Para ser considerado curado da Covid-19, de acordo com o infectologista Demetrius Montenegro, é preciso completar o ciclo de 14 dias da doença mais três dias sem sintomas. Quando o paciente não tem complicações e não apresenta os sintomas nesse período, é considerada cura clínica. Caso o paciente precise ir para a UTI e tenha complicações, mesmo completando 14 dias, só será considerado recuperado quando todas as complicações forem resolvidas. Assim, o tempo pode ser superior a 17 dias.

Nesta terça, 608 novos casos da Covid-19 foram confirmados em Pernambuco. Entre os confirmados hoje, 262 se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave e 346 como leves. Agora, o estado totaliza 35.508 casos já confirmados, sendo 14.797 graves e 20.711 leves.

Dos casos graves, 1.068 evoluíram bem, receberam alta hospitalar e estão em isolamento domiciliar. Outros 5.829 estão internados, sendo 223 em UTI e 5.606 em leitos de enfermaria, tanto na rede pública quanto privada. Até agora, os casos graves confirmados da doença estão distribuídos por 164 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha e de ocorrências de pacientes de outros Estados e países.

Também foram confirmados laboratorialmente 58 óbitos, sendo 33 do sexo masculino e 25 do sexo feminino. Com isso, o estado totaliza 2.933 mortes pela Covid-19. As mortes aconteceram entre os dias 19 de abril e 1º de junho, e os pacientes tinham idades entre 23 e 93 anos de idade, além de uma criança do sexo masculino de 5 meses.

Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, em Pernambuco, até agora, 9.966 casos foram confirmados e 10.305 descartados. As testagens abrangem os profissionais de todas as unidades de saúde, sejam da rede pública estadual e municipal ou privada.

About The Author

Aldenice Santos

Related Posts