Manchas no céu chamaram a atenção de moradores de Itapetim, no Pernambuco, nesta quarta-feira (8 de abril de 2020). O fenômeno considerado raro que é conhecido “irisação”, foi registrado por João Paulo Pereira, na zona rural do município.

Segundo a especialista, o fenômeno se dá quando os cristais de gelo e/ou gotículas de água presentes na nuvem interagem com a luz do sol, que pode ser refletida ou absorvida, gerando esse efeito no céu.

O fenômeno foi observado em uma nuvem alta que, segundo especialistas, essas nuvens podem ser chamadas de cirrocumulus (quando ficam acima dos 6 quilômetros de altura) e de nuvens altocumulus (presente entre 2 e 4 quilômetros de altura). Esses tipos de nuvens estão, geralmente, relacionados com a ocorrência de irisação.

Fonte: Repórter do Sertão
Fotos: João Paulo Pereira/Repórter do Sertão