A nova rodada de saques do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), que promete liberar até R$ 1.045 para cerca de 60 milhões de trabalhadores brasileiros durante a pandemia do novo coronavírus, começa hoje. O serviço, porém, será escalonado para evitar aglomerações nas agências bancárias. Por isso, só os nascidos em janeiro poderão ter acesso ao saque emergencial do FGTS hoje.

Operadora do FGTS, a Caixa Econômica Federal informou que R$ 3,1 bilhões serão liberados para 4,9 milhões de trabalhadores nesta segunda-feira. O dinheiro será liberado para todos que nasceram em janeiro, tinham algum recurso nas suas contas ativas ou inativas do FGTS e não procuraram a Caixa para informar que não têm interesse em sacar esse dinheiro agora. Esse recurso, porém, só poderá ser movimentado de forma remota, por enquanto.

O pagamento do saque emergencial do FGTS será realizado por meio de uma poupança social digital da Caixa que será aberta gratuitamente para todos os trabalhadores que têm direito ao recurso. Semelhante à conta que vem sendo aberta para os beneficiários do auxílio emergencial, a poupança digital deve ser acessada por meio do CPF pelo aplicativo Caixa Tem. No app, é possível pagar contas, fazer compras on-line e pagar compras presenciais aproximando o celular das maquininhas de cartão. Por isso, a Caixa só vai liberar o saque em dinheiro ou a transferência bancária dos recursos do FGTS cerca de um mês depois do depósito no Caixa Tem.

O calendário de pagamentos do saque emergencial foi dividido de acordo com o mês de nascimento dos trabalhadores e vai até setembro. A cada segunda-feira, a Caixa vai depositar os recursos do FGTS para um grupo de trabalhadores. Hoje, é o depósito dos nascidos em janeiro. Na próxima segunda, dos de fevereiro. Na seguinte, março e assim por diante. Os saques em dinheiro serão liberados sempre aos sábados, seguindo o mesmo escalonamento, entre o dia 25 deste mês e 14 de novembro. 

Se não quiser fazer o saque emergencial, o trabalhador pode optar por deixar esse dinheiro rendendo nas contas do FGTS para usá-lo depois, de acordo com as regras usuais do Fundo. Para isso, contudo, é preciso avisar a Caixa desta opção. O aviso deve ser feito pelo aplicativo do FGTS 10 dias antes da data do depósito ou depois que o crédito for efetuado no Caixa Tem. Caso não sejam movimentados até 30 de novenbro, os recursos voltarão para o FGTS.

Saque emergencial do FGTS:

60,8 milhões de trabalhadores poderão sacar

R$ 1.045 é o limite da retirada

R$ 37,8 bilhões serão liberados 

Os depósitos nas contas digitais da Caixa serão feitos sempre às segundas-feiras:

29 de junho: Nascidos em janeiro

06 de julho: Nascidos em fevereiro

13 de julho: Nascidos em março

20 de julho: Nascidos em abril

27 de julho: Nascidos em maio

03 de agosto: Nascidos em junho

10 de agosto: Nascidos em julho

24 de agosto: Nascidos em agosto

31 de agosto: Nascidos em setembro

08 de setembro: Nascidos em outubro

14 de setembro: Nascidos em novembro

21 de setembro: Nascidos em dezembro

Já os saques e as transferências serão permitidos após aproximadamente um mês, sempre aos sábados:

25 de julho: Nascidos em janeiro

08 de agosto: Nascidos em fevereiro

22 de agosto: Nascidos em março

05 de setembro: Nascidos em abril

19 de setembro: Nascidos em maio

03 de outubro: Nascidos em junho

17 de outubro Nascidos em julho

17 de outubro Nascidos em agosto

31 de outubro: Nascidos em setembro

31 de outubro: Nascidos em outubro

14 de novembro: Nascidos em novembro

14 de novembro: Nascidos em dezembro

About The Author

Aldenice Santos

Related Posts