O ator Eduardo Galvão, de 58 anos, morreu na noite dessa segunda-feira (7), vítima da Covid-19. Segundo informações do jornal O Globo, o ator estava internado no hospital Unimed Rio desde o último dia 1º com cerca de 50% dos pulmões comprometidos.

Seu último trabalho foi na novela Bom Sucesso (2019), da Rede Globo, no papel do Dr. Machado. Na mesma emissora, participou do programa Caça Talentos (1996) ao lado de Angélica. Também ficou conhecido por sua atuação na série Um Menino Muito Maluquinho (2006), da TVE, no papel de Pedro, pai do personagem principal.

Homenagens

Parentes, fãs e amigos lamentaram a morte do ator nas redes sociais. A atriz Cláudia Mauro fez post emocionado e postou uma poesia que fez dias atrás. “Ah… Que dor… Meu melhor amigo, meu amigo da vida inteira, meu irmão… Como vai ser a vida sem você?”, escreveu.

O diretor Boninho também usou as redes sociais para prestar uma homenagem ao amigo e alertou para a gravidade da doença, que já matou mais de 170 mil pessoas no Brasil.

“Acabo de receber a notícia que um querido amigo perdeu a luta para a Covid. Eduardo Galvão era uma pessoa doce e divertida. Meu parceiro no #caçatalentos, programa da Angélica, ator talentoso, divertido. Para muitos é só uma gripe, mas para quem perde parceiros é uma peste grave. Eu sigo com medo e com todos os cuidados. Covid mata sim”, registrou.

Outros companheiros de profissão, como o ator José de Abreu se despediram do artísta. “RIP meu amigo Eduardo Galvão. Mais uma vítima do descaso”.

About The Author

Dena Santos

Related Posts