Solidanense morre em acidente entre Tabira e Afogados

A GT Afogados da Ingazeira juntamente com a ROCAM foi acionada pela Central de Operações do 23º BPM, para verificar uma ocorrência de acidente de trânsito na zona rural de Afogados da Ingazeira.

Chegando ao local, o policiamento constatou o fato, o Bombeiro Militar se encontrava prestando socorro às vítimas, ocupantes do veículo VW/ SAVEIRO, placa OFC-5548- PB, Cor preta, chassi 9BWKB05U4CP141086, conduzindo pela vítima José Ramos de Lima, conhecido por Piston do Bar, 44 anos, casado, agricultor, residente no sítio Fabrício de Solidão, o veículo estava na ribanceira.

O veículo Toyota/ Corola, placa PFC- 3890, cor prata, chassi 9BIZBD48E2C2539192 conduzido por R. F. L. C, 29 anos, solteiro, autônomo residente no bairro São Francisco em Afogados, encontrava-se atravessado na mão contrária da via, com avarias, o condutor deste veículo alegou que seguia no sentido Afogados da Ingazeira a Tabira, no mesmo sentido do condutor da saveiro, quando procedeu a manobra de ultrapassagem seguindo as normas do CTB, sendo surpreendido pelo condutor da saveiro, vítima José Ramos, vindo a abalroar na traseira do seu veículo, que o veículo de José veio a capotar caindo na ribanceira, no sentido contrário da mão em que seguia. José Ramos ficou preso debaixo do veículo, momento que o condutor do Corola, R. F. L. C., socorreu a vítima desemborcando o veículo que estava sobre ele, ajudando também os bombeiros durante o socorro.

Foi realizado o teste do bafômetro no condutor do Corola, que resultou em 0,00 mg/L de concentração de álcool, não constando nenhum indício de consumo de álcool. O policiamento empenhado ficou no local controlando o trânsito, resguardando a área até a chegado do IC e da remoção dos veículos.

As vítimas que se encontravam na saveiro foram socorridas ao Hospital Regional Emília Câmara com escoriações de natureza aparentemente de lesão leve, porém José Ramos, veio a óbito quando chegou ao hospital.

Diante do exposto, a ocorrência foi repassada para DPC local, onde foi instaurado um inquérito por portaria.

About The Author

João Santos

Related Posts