A morte de um idoso neste sábado (30) em Manaus, ocorrida logo após receber a vacina AstraZeneca/Oxford, está sendo investigada pelo Centro de Referência de Imunobiológicos (Crie), órgão vinculado à Fundação de Vigilância Sanitária (FVS) e pela Secretaria Estadual de Saúde do Amazonas (SES).

A prefeitura de Manaus já coletou uma amostra de sangue do idoso de 83 anos. O Crie tem o prazo até sete dias para emitir laudo.

De acordo com o familiar, ele estava apresentando sintomas de gripe, mas, por serem “leves”, foi apenas levado para se vacina. “Ele também tinha pressão alta, mas tomava remédio. Agora só sabendo o laudo, vamos esperar, mas achamos melhor informar à FVS pela coincidência”, disse. Com informações Ultimo Segundo.