Aconteceu na manhã de ontem sexta-feira (17 de junho de 2022), o 1° Fórum Comunitário do Selo UNICEF – Edição 2021/2024, realizado pela Prefeitura Municipal de Solidão, Pernambuco e o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente.

O evento teve início às 8 horas, com formação da mesa de honra, na sequencia apresentação cultural, informativo sobre o que é o selo UNICEFF, apresentação da equipe intersetorial e divulgação dos resultados sistemáticos do município e as metas a serem alcançadas pelo Núcleo de Cidadania de Adolescentes (NUCA)

Logo mais as 9 horas ouve a fala das autoridades presentes, seguido de um coffee break. Após o delicioso café da manhã aconteceu a divisão dos grupos de estudos por resultados sistemáticos. E as 11 horas os grupos apresentaram as propostas.

O Fórum Comunitário é o encontro entre pais, mães, irmãos e irmãs, avós e avôs, famílias, educadores, profissionais de saúde, assistentes sociais, gestores municipais, empresas, adolescentes e todos e todas que podem de alguma forma contribuir e influenciar para que os direitos dos meninos e das meninas sejam respeitados e garantidos.

Dados municipais:

Na oportunidade foram apresentados o relatório de linha de base de Solidão, onde o município declarado como pequeno com população geral de 6,021, sendo deste número 2,054 crianças e adolescentes de 0 a 17 anos.

  • O percentual de crianças de 1 ano de idade que receberam a vacina tríplice viral D2 em 2020 foi de 92% onde a meta era 95%;
  • O percentual de alunos do ensino fundamental que abandonaram a rede pública de ensino em 2019 foi de 50% e a meta era os 50%;
  • O percentual de adolescentes entre 15 e 17 anos que estão matriculados no ensino médio em 2020 foi de 50% onde a meta era 60%;
  • O percentual de nascidos vivos de mães entre 10 a 19 anos em 2019 foi de 10% e a metas era 10%;
  • O percentual de escolas públicas com fonte adequada de acesso aos serviços de água em 2020 foi de 100% onde a meta era 100%;
  • O percentual de casos de violência contra crianças e adolescentes registrados de forma adequada no portal SIPIA não foi divulgado;
  • O percentual de famílias cadastradas no CADASTRO ÚNICO em acompanhamento pelo PAIF no município em 2019 foi de 10,4% onde a meta era de 20,8%.

Confira todas as fotos clicando aqui

Todas as fotos estão disponíveis na nossa pagina no Facebook
(( Clique aqui para ver ))

Fotos: Dena Satos

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.