128 mm em apenas quatro horas, provocaram graves danos Afogados da Ingazeira. O quadro de momento é de 20 famílias desabrigadas…

As fortes chuvas que caíram em Afogados na madrugada de terça para quarta-feira (25 de março de 2020), 128 mm em apenas quatro horas, provocaram graves danos concentrados, sobretudo, no bairro Borges.

O quadro de momento é de 20 famílias desabrigadas. Por conta da ação imediata da equipe de defesa civil do município, na retirada das pessoas, não houve mortes. A inundação de parte do bairro se deu por conta da ruptura de um açude na comunidade rural do Riacho da Onça. Os acessos da cidade estão bastante comprometidos. O Prefeito José Patriota entrou em contato com a Secretaria de Infraestrutura do Estado, Fernanda Batista, e com a Presidente da COMPESA, pedindo socorro para recuperar os acessos e ajudar no auxílio às famílias.

Dos desabrigados, dez famílias foram para casa de parentes. As outras dez, totalizando 36 pessoas, estão abrigadas na sede do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, antigo PET, na Rua Júlio Câmara. As doações de mantimentos, remédios e roupas pode ser feita na Secretaria Municipal de Saúde. Por conta de haverem muitas crianças desabrigadas, a urgência maior é por fraldas, leite e pomadas dermatológicas para combater assaduras.

Após uma rápida reunião com o Prefeito José Patriota, toda a equipe de defesa civil já voltou para as ruas, para visitar as famílias que se encontram nas áreas de risco que margeiam o Rio Pajeú, e que já vem sendo acompanhadas pela defesa civil. Estamos todos a postos para a necessidade da urgente remoção das famílias. Recomendamos a quem possa, nesse momento, se deslocar temporariamente para a casa de familiares ou amigos, em locais mais seguros.

Fonte: Ascom Afogados da Ingazeira
Fotos: Romero Moraes/ Júnior Finfa/ Welligton Júnior